drive online

A era 4.0 chegou para todos os segmentos do mercado, principalmente no industrial. Diante da inevitável revolução tecnológica, diversos gestores do setor estão adotando novas maneiras de armazenar seus arquivos, como é o caso do drive online

Uma pesquisa da Accenture, realizada com empresas dos mais diversos segmentos, inclusive do industrial, nos revela que 92% dos respondentes afirmaram que estão investindo em novas tecnologias

Por outro lado, de acordo com dados do CNI (Confederação Nacional da Indústria), o setor é responsável por 21,4% do PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil.

Além disso, realiza 69,2% das exportações de bens e serviços e gera 33% dos tributos federais (exceto receitas previdenciárias).

Esse levantamento também nos mostra que para cada R$ 1,00 produzido no setor industrial, são gerados R$ 2,40 na economia do país.

Com todo esse alcance, a transformação digital se tornou fundamental para empresas que desejam crescer, maximizar ações internas e, principalmente, atingir eficiência operacional.

Nesse cenário, o drive online pode ajudar os gestores a atingir esses benefícios. No post de hoje vamos entender o que é esse recurso, as vantagens e como implementá-lo na sua indústria. Confira.

Leia mais: Gestão de TI: 5 dicas para liderar a equipe no “pós-pandemia”

Quais os benefícios do drive online para indústrias?

Na prática, o drive online é um sistema de armazenamento em nuvem que permite guardar, sincronizar e monitorar os arquivos.

No setor industrial, utilizar essa tecnologia facilita a troca de informações cotidianas, promovendo segurança da informação e potencializando a produtividade do time. Além disso, os gestores alcançam ganhos como:

  • Melhorias no fluxo organizacional da indústria;
  • Mais agilidade no compartilhamento de dados;
  • Acompanhamento em tempo real da operação;
  • Redução de custos;
  • Inovação dos processos internos;
  • Aumento da qualidade dos produtos desenvolvidos;
  • Vantagem competitiva. 

Como implementar o drive online?

Implementar o armazenamento em nuvem na indústria é um processo desafiador, isso porque grande parte dos gestores ainda lidam com processos antigos e engessados. 

A chamada Indústria 4.0 (ou Quarta revolução industrial) é caracterizada por profundas alterações nos fluxos internos guiadas pela tecnologia. 

No entanto, apenas é possível se adequar a essa tendência com uma mudança na cultura organizacional da empresa. 

Com essa disrupção, é momento de realizar um planejamento, Para isso, é preciso levantar dados a respeito do atual cenário da fábrica, tipos de arquivos e informações que serão migradas para a nuvem, quantidade de funcionários que acessarão e outros dados relacionados.

Por outro lado, é essencial possuir um bom plano de segurança, com medidas eficientes para preservação dos dados armazenados, backups periódicos e recuperação de desastres em caso de panes ou falhas.

É válido informar todos os colaboradores a respeito das mudanças e qual o papel que desempenharão na nova ferramenta, assim como ensiná-los boas práticas para executar as funções e utilizar corretamente o recurso. 

Conheça a add it Cloud Solutions!

A add it Cloud Solutions pode ajudar a sua indústria no planejamento, implementação e monitoramento do Drive Online.

Com mais de 20 anos de experiência no setor de tecnologia, oferecemos aos nossos clientes soluções completas e robustas de Computação em Nuvem.

Desse modo, contribuímos para melhorias na eficiência operacional dos nossos clientes e redução de custos, com toda adequação necessária à nova Lei Geral de Proteção de Dados (LFPD). 

Além disso, oferecemos suporte aprimorado 24×7, atendendo todas as necessidades dos nossos parceiros de negócio.

Deseja saber mais? Acesse agora mesmo e conte com todo o suporte do nosso time!

Tags:

Comments are closed