segurança de endpoint

A segurança de endpoint consiste em um conjunto de ações, que visam proteger os diversos aparelhos corporativos conectados a um determinado terminal de rede, a fim de evitar que os ciberataques tenham sucesso no roubo de dados valiosos.

Agindo junto de um firewall, ela tem o trabalho de detectar, prevenir e responder aos eventuais perigos que os hackers possam oferecer ao seu sistema.

Junto disso, com ela também pode-se fazer o monitoramento de todos os seus usuários, alertando a todos, caso algum comportamento suspeito ocorra.

Leia também: Nuvem privada: como proteger a sua empresa de ataques cibernéticos?

Por que ela é importante?

Com a pandemia do novo coronavírus e o aumento de pessoas atuando no sistema híbrido e de Home Office, a segurança de endpoint se tornou ainda mais importante, principalmente para dar mais proteção aos colaboradores remotos das empresas.

Ele pode ser aplicado em smartphones, tablets, computadores e/ou notebooks, impedindo que as vulnerabilidades de cada um sejam usadas de forma maliciosa por invasores.

Como fazer a sua gestão?

Exatamente por serem os elos mais frágeis de todo o processo, os ataques virtuais têm buscado os aparelhos dos funcionários para tirar proveito de qualquer fraqueza, ponto que torna a boa gestão algo muito importante de ser feita.

Para fazer a segurança de endpoint, ter um controlador de acesso eficiente é, atualmente, a melhor forma de proteger as entradas de rede de pessoas não autorizadas.

Disponibilizando uma única porta de entrada, a equipe de TI pode controlar melhor todos os acessos, dando mais armas para a segurança da informação, para quem trabalha e também para a empresa como um todo.

Como escolher a melhor opção para o seu negócio?

Agora que entendemos o que é endpoint e qual o seu papel no mundo corporativo, resta saber como escolher a melhor opção para a sua empresa. Veja algumas dicas do que levar em consideração na hora da escolha.

Veja também: Por que investir em infraestrutura em nuvem agora?

Eficiência na prevenção de ataques

O primeiro ponto relevante é saber se a segurança de endpoint oferecida é capaz de prevenir, conter e bloquear eventuais ataques cibernéticos e malwares.

Para isso, é importante que ele consiga se atualizar sempre, analisar as ameaças mais recentes e, por fim, fazer a proteção completa do seu sistema. Além disso, é vital que ele identifique e corrija as vulnerabilidades, com uma atitude proativa.

Monitoramento constante

O avanço tecnológico acontece todos os dias, por isso, mesmo tomando todos os cuidados, ainda existe a possibilidade de algum ciberataque ter êxito. Por isso é importante contar com uma segurança de endpoint que faça um monitoramento e gravação constantes.

Quanto maior for o seu controle, melhores são as suas chances de identificar se estão ocorrendo comportamentos indesejados.

Leia também: Como aumentar a credibilidade da sua empresa utilizando estratégias de segurança digital?

Capacidade de adaptação e crescimento

Cada organização possui o seu próprio porte e necessidades, portanto contar com um produto capaz de se adaptar ao que você precisa, vai torná-lo muito mais eficiente do que um que já venha pronto.

A segurança de endpoint tem de conseguir acompanhar o seu crescimento, caso contrário, será um limitante e pode se tornar um problema no futuro.

Para se manter seguro, conte com a add it

A segurança de endpoint é uma das prioridades da nossa atualidade, e contar com uma parceira especialista em nuvem e proteção de dados é a melhor alternativa.

A add it Cloud Solutions é especialista nesse tipo de tecnologia, contando com um suporte 24×7, firewall constantemente atualizado, alta performance dos servidores e altamente escalável.

Acesse agora mesmo e fale com um de nossos especialistas!

Tags:

Comments are closed

Iniciar chat
1
Eu não sou um robô!
Oi, eu estou aqui no Whatsapp se você quiser falar!