gestão de ativos

A extensão do período de quarentena fizeram com que o home office deixasse de ser uma situação provisória e se tornasse realidade em muitas empresas. E para que o trabalho remoto seja produtivo, deve-se contar com uma eficiente gestão de ativos, boa organização e liderança.

Por sua vez, o modo mais fácil de se promover qualidade e mobilidade corporativa para aqueles que estão trabalhando a distância é através de soluções que utilizem a computação em nuvem e a virtualização.

A Virtualização de Desktops (Virtual Desktop Infrastructure – sigla para VDI ou Virtual Workspace, como também é chamado) é uma prática que centraliza dados, dispositivos, sistemas e aplicativos em uma única infraestrutura de TI na nuvem.

Ou seja, através do desktop virtual o usuário consegue ter acesso ao computador que está localizado no local de trabalho físico e utilizar de todas as suas ferramentas, garantindo acessibilidade, flexibilidade e rendimento ao trabalho híbrido ou a distância. 

Leia também: Gestão de ativos: 4 benefícios da nuvem privada (VPS)

Gestão de ativos: quais são os benefícios do desktop virtual?

Com a pandemia, a transformação digital nas empresas foi acelerada e os profissionais da área de TI tiveram de realizar uma gestão de ativos profunda e ágil para identificar quais tecnologias necessitavam ser implantadas para garantir o funcionamento das empresas em home office.

Nesse sentido, o Virtual Workspace mostrou-se como uma ótima opção por ser uma solução extremamente flexível e segura. 

A garantia de segurança de dados e mobilidade corporativa são possíveis devido ao modo que essa solução é estruturada. 

A virtualização de desktops é realizada no servidor, através de um Monitor de Máquina Virtual (hypervisor), que consiste em uma etapa entre o sistema operacional e o hardware, que é o responsável pela execução da virtualização. 

Como esse ambiente de virtualização conectará todos os demais desktops da empresa, é possível fornecer o acesso ao desktop virtual a todos os usuários autorizados, sem interferir no funcionamento ou disponibilidade da ferramenta. 

Deste modo, por mais que um usuário não seja cuidadoso o suficiente com as informações disponibilizadas ou não cumpra com a política de segurança estabelecida, os dados estão seguramente armazenados e criptografados no servidor. 

Leia também: Principais ações que atrasam a transformação digital da sua empresa

E além dos benefícios já citados, podemos destacar:

Facilita o gerenciamento da operação

O desktop virtual é criado a partir de templates de máquinas virtuais, os quais as empresas já possuem os softwares pré-instalados, permitindo a elaboração de novos desktops de maneira facilitada e o acesso remoto da área de TI, possibilitando um monitoramento eficiente de todos os acessos.

Promove conectividade e flexibilidade

Além de ser possível se conectar ao desktop virtual de qualquer computador e dispositivo móvel, a alta disponibilidade desta ferramenta também é algo de grande atração para as empresas.

Ao contrário de um dispositivo físico que apresenta falhas e danos em seus componentes de hardware, a virtualização oferece mecanismos de cluster virtual e replicação que permitem que o desktop virtual seja movido para outro servidor em caso do host apresentar indisponibilidade. 

Já a replicação permite preparar o desktop para ser implantado novamente caso a recuperação seja uma necessidade. 

Leia também: 5 razões para implementar o desktop virtual na nuvem

Viabiliza diversas ações de segurança 

Considerar as ações de segurança que podem ser aplicadas em uma solução, é um dos fatores mais importantes na gestão de ativos

O desktop virtual não só permite o gerenciamento de acesso e a autenticação em duas etapas, como também a execução de backups centralizados e a aplicação de diversas políticas de acesso.

Além disso, toda a conexão é criptografada, o que diminui o risco de vazamento de informações. 

Leia também: Home office: como fortalecer a segurança digital nas empresas?

Bom custo-benefício e fácil implementação

Outro fator importante na gestão de ativos, que analisa o que deve ou não ser adquirido pela empresa, é o custo benefício da solução. 

Nesse sentido, o desktop virtual não necessita de investimentos referentes a obtenção de novos e caros hardwares, pois o processamento é todo realizado no servidor e os requisitos mínimos dos dispositivos finais são extremamente simples. 

E como a equipe de TI também tem acesso remoto ao desktop, as manutenções podem ser realizadas em simultâneo, sem a necessidade de pausas ou intervalos. 

Escalável

Com o desktop virtual não há a necessidade de se preocupar com custos adicionais de implementação em caso de expansão da empresa, pois a solução é totalmente escalável. 

É preciso apenas baixar o aplicativo, instalar e replicar para todas as VMs, deste modo ele será automaticamente implementado para todos os usuários. 

Conte com a add it Cloud Solutions!

Para que seja possível assegurar uma infraestrutura moderna e que atenda todas as necessidades da empresa, aliar a gestão de ativos a um bom parceiro de negócios é fundamental, como a add it Cloud Solutions.

Com 20 anos de experiência em soluções em nuvem e desktop virtual, auxiliamos os nossos parceiros nos processos de transformação digital e implementação de soluções que promovam uma maior eficiência e produtividade.

A nossa solução Desktop Virtual simplifica a maneira como você gerencia e protege aplicativos, oferecendo a melhor experiência aos usuários.

Além disso, facilita o acesso aos aplicativos mesmo em redes de baixa performance, aumenta a produtividade e te protege das ameaças cibernéticas através de análises e insights avançados para interromper os ataques antes de que eles aconteçam.

Com a solução de Virtual Workspace, todos os aplicativos e dados são integrados para que fiquem disponíveis em todas as aplicações, tanto no local físico, quanto na nuvem, para entregar a experiência certa ao usuário certo e no momento certo. 

Entre em contato e saiba mais sobre essa solução que é fundamental para transformar o seu negócio. 

Tags:

Comments are closed